Óleo de Coco como Auxiliar no Emagrecimento

Óleo de CocoMuito tem se falado atualmente dos benefícios do óleo de coco, em especial quando extra virgem. De fato, ele é extraído da polpa do coco fresco por meio de um processo de prensa a frio e é considerado extra virgem por seu índice de acidez ser, no máximo, 0,5%. O que chama a atenção no produto é o alto grau de ácidos graxos de cadeia média (65%) – um tipo de fácil metabolização e baixa capacidade de oxidação.

Entre os ácidos graxos presentes, destacam-se o láurico (44-52%), o mirístico (13-19%), o palmítico (7,5-10,5%), o caprílico (5,5-9,5%), o oléico (5,8%), o cáprico (4,5-9,5%), o linoléico (1,5-2,5%), o esteárico (1-3%), o capróico (0,3-0,8%) e o araquídico (0,04%). Apesar de desconhecidas pela maioria, essas substâncias têm grande eficácia para a manutenção da saúde. Os ácidos cáprico e láurico, por exemplo, possuem efeitos positivos sobre aumento dos níveis do colesterol HDL e sobre a redução dos níveis de LDL, exercendo, portanto, efeito protetor no desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

Para os que estão sempre de olho na balança, o óleo favorece o aumento do metabolismo basal e, com isso, o processo de emagrecimento. Os benefícios estendem-se também à ação antimicrobiana, o que favorece a capacidade do sistema imunológico, além de agir no intestino estimulando a defesa contra os micro-organismos patogênicos. Assim, ele atua como suplemento na prevenção e no tratamento de disfunções relacionadas à micro-organismos – como cândida, clamídia, citomegalovirus, estreptococos, estafilococos, H. pylori, influenza, giárdia, listeria, clamídia e contra ambos os tipos de herpes, zoester e simples.

O óleo de coco extra virgem é também uma boa fonte de vitamina E – com alta capacidade antioxidante, que promove a varredura dos radicais livres responsáveis pela danificação das estruturas celulares e comprometimento do funcionamento normal das células. Ele age na atividade anti-inflamatória, e, nesse sentido, atua sobre a perda de gordura – já que esse é um tecido inflamado.

Portanto, o óleo de coco pode ser um produto que somará ganhos à dieta saudável e equilibrada. A recomendação de uso deve ser individualizada e orientada por um profissional de saúde, como o nutricionista. Nada em excesso faz bem: sua ingestão exagerada pode provocar, dentre outros problemas, enjôos e mal estar.

E você? Já teve oportunidade de utilizar esse suplemento? Comente como foi essa experiência, tire suas dúvidas a respeito de algum deles, ou ainda compartilhe a sua experiência e opinião conosco.

Referências
– Óleos de coco e de cártamo aceleram o seu metabolismo. Revista eletrônica Minha Vida. Acessado no dia 26/04/2012 ás 17 horas, em http://www.minhavida.com.br/alimentacao/materias/12983-oleos-de-coco-e-de-cartamo-aceleram-o-seu-metabolismo.
– Óleos de coco e cártamo aceleram o emagrecimento. Acessado no dia 26/04/2012 ás 17 horas, em http://www.clicrbs.com.br/especial/sc/rbstvsc/19,0,3622930,Oleos-de-coco-e-cartamo-aceleram-o-emagrecimento.html.
– Vantagens do Óleo de Coco e de Cartámo. Informe da Pharmaceutical Assessoria no Facebook. Produzido por Joana Lucyk, nutricionista graduada pela Universidade de Brasília, com mestrado em Nutrição Humana e especialização em Nutrição Clínica Funcional e Esportiva.
– Efeitos da Suplementação de Óleo de Coco nos Parâmetros Bioquímicos e Antropométricos de Mulheres com Obesidade Abdominal. Assunção ML, Ferreira HS, dos Santos AF, Cabral CR Jr, Florêncio. Source Faculdade de Nutrição, Universidade Federal de Alagoas, Macéio.