.:: O Ótimo Colágeno ::.

O colágeno é uma substância bastante abundante no organismo humano e tem a função de manter as células unidas, sendo principal componente proteico de órgãos como a pele, cartilagens e ossos. A produção de colágeno é o resultado de uma complexa sequência de eventos bioquímicos no interior das células, e pelo fato de o colágeno ser produzido naturalmente pelo nosso organismo, sua baixa ou muito alta concentração pode ocasionar problemas.

Quando entramos na fase adulta (a partir de 30 anos), a deficiência do colágeno começa a ser notada. Nessa época fica mais visível a diminuição da elasticidade da pele, o dermatologiaaparecimento de rugas e o aumento da fragilidade das articulações e dos ossos. Por isso é importante repor esse nutriente, que pode ser adquirido em forma de cápsulas ou em pó, encontrados em farmácias de manipulação. Quanto à reposição de colágeno, especialistas divergem em suas opiniões: alguns acreditam que a reposição não resolve, enquanto outros acreditam que ela é perfeitamente válida, tese mais aceita nos dias de hoje. Mas não adianta repor colágeno e continuar com péssimos hábitos, como má exposição ao sol, fumo, sono inadequado e sedentarismo, porque sua função não é milagrosa.

A deficiência de colágeno, também chamada de colagenose, acarreta problemas como: má formação óssea, rigidez muscular, problemas com o crescimento, inflamação nas juntas musculares, doenças cutâneas e dentárias, entre outros. Na menopausa há menor produção de colágeno pelos fibroblastos, por isso uma das principais reclamações das mulheres nesta época são a queda de cabelos, fragilidade das unhas e acentuado aumento das rugas. Por ser um tipo de proteína, uma de suas principais funções é formar Queda de cabelofibras que dão sustentação à pele (para quem se exercita, contribui também na formação dos músculos). Extraído do osso e da cartilagem do boi, o colágeno passa pelo processo de hidrólise (quebra das moléculas de proteína) para ser mais facilmente absorvido pelo organismo, sendo chamado então de Colágeno Hidrolisado

Funções do Colágeno Hidrolisado

O colágeno hidrolisado contém os aminoácidos essenciais glicina e prolina em concentração 20 vezes maior do que outras proteínas. Ambos são componentes importantes do tecido conjuntivo e asseguram sua consistência e elasticidade. Ele também tem efeito regenerativo em ossos e articulações.

Benefícios do Colágeno Hidrolisado

  • Retarda o envelhecimento e previne rugas
  • Combate a flacidez da pele
  • Fortalece unhas e cabelos
  • Contribui para saúde dos ossos
  • Previne o aparecimento da celulite e estrias
  • Colabora no aumento da tonicidade dos músculos
  • Auxilia no funcionamento do sistema linfático

Aplicação Cosmética

O colágeno é uma proteína “mágica” para deixar a pele mais firme. Dermatologistas já provaram que, ao usar produtos de beleza que levam o composto em sua fórmula, a pele torna-se mais macia, firme e saudável. O colágeno também ajuda na manutenção do tônus muscular deixando a pele mais firme e menos flácida.

Indicação do Colágeno Hidrolisado

É indicado para pessoas acima de 30 anos. Como suplemento nutricional é indicado para pessoas fisicamente ativas que desejam aumentar o consumo de proteínas, assim como para o fortalecimento de unhas e cabelos. Também é indicado em processos de cicatrização e recuperação de lesões e em processos de emagrecimento.

Deficiência

A deficiência de colágeno está também associada à diminuição da espessura do fio capilar e com a desidratação e perda de elasticidade da pele, culminando em flacidez e no aparecimento de rugas e estrias. Além disso, prejudica as articulações e enfraquece os ossos.

Onde é Encontrado

O colágeno hidrolisado é reconhecido como um ingrediente alimentício pelo Ministério da Saúde e pelo FDA (órgão que regulamenta alimentos e bebidas nos EUA) e atualmente já é possível observar no mercado alguns alimentos enriquecidos com essa proteína. Você pode usar tanto o colágeno em cápsulas quanto em pó. É encontrado em pequenas quantidades nos alimentos que contém proteína como a carne e leite, e nas gelatinas.

Existem atualmente alguns suplementos com boas concentrações de colágeno, como balas, pó para shakes ou sucos, sachês com vitaminas e minerais, sendo estes todos esses exColágeno Puriscelentes opções para o consumo diário, inclusive com diversas opções de sabores e texturas.

Todas as informações dicas e sugestões contidas neste post têm caráter meramente informativo. Elas não substituem um aconselhamento e o acompanhamento de médicos,  nutricionistas e farmacêuticos.

Veja mais informações do Colágeno Hidrolisado Puris clicando aqui.

Referências:

  1. Envelhecimento da pele e colageno. Faria, Jose Carlos Marques de; Tuma Junior, Paulo; Costa, Marcio Paulino; Quagliano, Ana Paula; Ferreira, Marcus Castro.Rev. Hosp. Clin. Fac. Med. Univ. Säo Paulo;50(supl):39-43, 1995.
  2. Colágeno na cartilagem osteoartrótica. Velosa, Ana Paula P; Teodoro, Wlcyr R; Yoshinari, Natalino H. Rev. bras. reumatol;43(3):160-166, maio-jun. 2003. ilus.
  3. http://www.pharmaceutical.com.br/

Nutricosméticos – beleza de dentro para fora!

Você já deve ter ouvido falar em ‘Pílulas da Beleza’ ou ‘Cosméticos Orais’ ou ‘Nutricosméticos’ e no mínimo ficou curioso para saber o que estes produtos que prometem melhorar a aparência da pele, cabelos e unhas e até mesmo retardar o envelhecimento têm de tão especial ao cuidar da beleza de dentro para fora. Eles são uma das mais novas tendências da cosmética mundial.

Com certeza a afirmação “Você é o que você come” nos faz refletir sobre a importância diária de uma dieta balanceada e rica em nutrientes, mas no corre-corre do dia a dia, às vezes consumimos quantidades insuficientes destes nutrientes, e em pouco tempo o resultado está na ‘cara’, literalmente percebemos a pele ressecada, cabelos sem brilho e unhas quebradiças. Partindo desse princípio, pesquisas foram desenvolvidas e comprovaram que doses de vitaminas, minerais, aminoácidos, ácidos graxos e proteínas visam repor possíveis deficiências causadoras de rugas, unhas fracas, queda de cabelo, flacidez, entre outros problemas estéticos.

Os Nutricosméticos são por tanto um complemento da rotina de beleza; uma verdadeira febre na Europa, Japão e Estados Unidos, esses suplementos são vendidos na forma de cápsulas, refrescos, iogurtes chocolates e gomas. Os estudos comprovam a ligação entre o consumo de produtos específicos à melhora da pele, e dentre eles podemos citar o mineral silício, que atenua as rugas e aumenta a resistência do cabelo e unhas. O chá verde e o cacau são grandes destaques pelas suas propriedades antioxidantes que auxiliam na diminuição de rugas, melhora da hidratação e circulação. As proteínas do leite e o licopeno atuam na proteção das células de colágeno devido sua ação antioxidante; o extrato de soja estimula a renovação celular e a vitamina C protege e restaura as fibras de colágeno, o que diminui a flacidez da pele.

Alguns dos principais ativos utilizados na terapêutica atual são:

  • Silício Orgânico (Exsynutriment): é o ácido ortosilícico estabilizado em hidrolisado de colágeno marinho. Ele desempenha um papel essencial na saúde humana, regulando o metabolismo de diversos tecidos, principalmente do conjuntivo. Possui estrutura original patenteada pela Exsymol, Mônaco, sendo altamente biodisponível para reposição de silício em seres humanos. É um dos principais fatores para produção endógena de colágeno pelos fibroblastos. Suas principais ações são: melhora do aspecto cutâneo, efeito lifting e antiaging, hidratação profunda, firmeza e sustentação, ação redensificadora e preenchedora das rugas, cicatrização.
  • Bio Arct: é uma biomassa marinha originária de uma alga vermelha encontrada no Mar Ártico, a Chondrus crispus. A Exsymol, por meio de um método exclusivo, submete a alga a condições extremamente estressantes, como frio intenso e pouca luminosidade. Após esse processo, um método especial e patenteado de extração que garante a composição integral da alga e grandes quantidades de biomassa marinha padronizada. Bio-Arct contêm 7% de citrulil-arginina, um dipeptídeo ativo que regula a expressão de SIRT-3, promovendo aumento da produção de ATP. Suas principais ações são: anti-aging, estimulando das trocas de nutrientes, citoestimulante, antiestresse cutâneo com melhora na luminosidade da pele, bioenergizante, protetor cutâneo durante condições extremas (frio, calor, poluição, ar condicionado), detoxificante, cicatrizante, antioxidante e anti-inflamatório.
  • Fosfolipídeos do Caviar: consiste em uma associação de fosfolipídeos de origem marinha (principalmente fosfatidilcolina) e lipídeos neutros extraídos das ovas do arenque. É particularmente rico em ácidos graxos poli-insaturados (PUFA) ômega-3 (DHA e EPA) e contêm, naturalmente, vitamina E e astaxantina. Suas principais ações são: cicatrizante, antioxidante, anti-inflamatório, antiaging e melhora do aspecto cutâneo.
  • Glycoxil: é um peptidomimético baseado em carcinina, cujo nome químico é b-alanil-histamina e apresenta propriedades antiglicante, antiglicoxidante e desglicante. É altamente biodisponível por possuir maior estabilidade molecular, sendo 30 vezes mais resistentes à degradação enzimática (dipeptidades teciduais e séricas), resultando em um tempo de meia vida maior e consequentemente uma maior biodisponibilidade. Suas principais ações são: antiaging, antiglicação e deglicação de proteínas da derme, antioxidante.
  • Vitamina C: O ácido ascórbico ou vitamina C (C6H8O6ascorbato, quando na forma ionizada) é uma molécula usada na hidroxilação de várias outras em reações bioquímicas nas células. A sua principal função é a hidroxilação do colágeno, aproteína fibrilar que dá resistência aos ossosdentestendões e paredes dos vasos sanguíneos. Além disso, é um poderoso antioxidante, sendo usado para transformar os radicais livres de oxigênio em formas inertes.
  • Vitamina E: também conhecida como tocoferol, na verdade trata-se de um grupo de substâncias, com grande atividade anti-oxidante. Em 1968 a vitamina E foi reconhecida como um nutriente essencial para os seres humanos pela Food and Nutrition Board do National Research Council, dos EUA. O reconhecimento da vitamina E como um agente anti-radical das estruturas de proteção da membrana das células contra os efeitos destrutivos dos radicais livres causou um renovado interesse nesta. Além disso, estudos epidemiológicos e científicos sugerem que a vitamina E desempenha papel protetor em doenças cardiovasculares e alguns tipos de câncer, além de proteger a pele e renová-la.
  • Biotina: estudos científicos já relacionam a deficiência desta com a dermatite seborreica, alopécia, unhas e cabelos fracos, produção excessiva de sebo, dentre outras dermatoses. Sua falta ocasiona a deficiência da biotinidase, uma enzima dependende de biotina, uma enzima que produz carboxilases, importantes no metabolismo de gorduras, carboidratos e proteínas.
  • Betacaroteno: tem sido descobertas grandes propriedades para o betacaroteno nas pesquisas das quais é alvo. Sabe-se hoje que ele é um antioxidante (inibe radicais livres, prevenindo o envelhecimento), beneficia a visão noturna, aumenta a imunidade, dá elasticidade à pele, aumenta o brilho dos cabelos e o fortalecimento dasunhas, além de atuar no metabolismo de gorduras. O betacaroteno também é favorável na obtenção do bronzeamento da pele. Quando transformado em vitamina A em nosso organismo, auxília na formação de melanina, pigmento responsável por proteger a pele dos raios ultravioleta e conferir o bronzeamento.

Logicamente, são diversas as substâncias e os princípios ativos que podem ser considerados nutricosméticos, mas nossa intenção foi revisar algumas das mais utilizadas.

O mais interessante é que não precisamos mais ficar presos às tradicionais cápsulas para ingerir os nutrientes necessários, várias formulações disponíveis na farmácia de manipulação irão tornar esse momento de suplementação muito prazeroso, experimente-os na forma de gomas, balas, refrescos, shakes, chocolates, sopas, chás e até mesmo géis comestíveis, podendo ser livres de açúcar, corantes e gorduras hidrogenadas; as balas de colágeno; os ‘shakes’ que não só ajudam na beleza, mas também proporcionam saciedade e sem dúvida os refrescantes refrescos a base de chá verde.

Segundo a Revista ISTO É, edição 2215, abril / 2012, “as pílulas contendo nutrientes consagram-se como o mais novo fenômeno da beleza e são indicadas por médicos para atenuar rugas, melhorar o viço da pele, combater a celulite e fortalecer unhas e cabelos, entre outros efeitos.”

Como você percebe a partir de agora mais um item deve ser acrescentado na sua rotina de beleza. Converse com seu médico, nutricionista ou farmacêutico para uma adequada orientação!

Referências
1. Nutricosméticos e Aliméticos. InformAção Magistral, Edição V, ano 2012.
2. Nutricosméticos, Pílulas da Beleza. Site da farmácia Almaderma, http://www.almaderma.com.br/produtos_nutricosmetico_pilulas_beleza.php.
3. Rev. Saúde Pública, vol. 32, n. 2. São Paulo Apr. 1998.
4. 
Turk J. Pediatr. 1994. Oct-Dec; 36(4); 267-78.
5. Int J Vitam Nutr Res. 1977; 47(2); 107-18.
6. David L. Nelson, Michael M. Cox, “Lehninger Principles of Biochemistry”, 4ª edição, W. H. Freeman, 2005
7. β-Carotene BioChemika, purum, ≥97.0% (UV). Página visitada em 21 de Oct. de 2009.
8. Revista ISTO É, edição 2215, abril / 2012.

Óleo de Coco e Óleo de Cártamo – uma dupla eficaz.

Enquanto o óleo de coco revela-se como um poderoso antioxidante, o óleo de cártamo promove certa sensação de saciedade e aceleração do metabolismo. No mundo das dietas, estes dois produtos naturais estão se tornando os queridinhos por todos aqueles que lutam contra a balança, e cada vez mais ganham atenção da mídia e de inúmeros estudos. E você, sabe para que eles servem?

Você mesmo, provavelmente, já deve ter ouvido falar no óleo de coco e no óleo de cártamo. Entretanto, ainda são muitas as pessoas que procuram saber quais os benefícios e diferenças entre eles, já que ambos são prescritos para perda de gordura. Conhecendo o benefício de cada um, você saberá usá-los com mais propriedade a seu favor.

Uma dupla com inúmeros benefícios

Os dois produtos contêm ômega-9, que é o ácido graxo oleico – o mesmo encontrado no azeite de oliva e no abacate – e que possui propriedade de metabolização da gordura corporal e também do colesterol. Ou seja, eles realmente fazem o metabolismo de gordura acelerar e, consequentemente, ajudam na queima de gordura corporal.

O fato de fazer efeito, principalmente na área da cintura, se deve também ao ômega-9, pois estudos mostram que esse ácido graxo diminui a produção de cortisol, uns dos hormônios responsáveis pelo armazenamento de gordura nessa região. Para queima de gordura, sempre indica-se tomar o óleo 30 minutos antes e 30 minutos depois do exercício, pois a gordura será melhor metabolizada. Deixando um pouco de lado essa questão de emagrecimento, vamos a outros benefícios:

Óleo de Cártamo

Rico em ácidos graxos poli-insaturados e monoinsaturados, o óleo de cártamo tem a propriedade de promover estímulos de saciedade por aumentar a leptina, hormônio resistente em obesos. Possui altos teores de ácidos linoléico (70%) e oléico (20%), auxilia na redução do acúmulo de gorduras, no aumento de massa corporal magra e muscular.

Em um estudo realizado em modelo animal avaliou o efeito da suplementação com óleo de Cártamo na expressão de genes relacionadas à obesidade e demonstrou que a administração deste óleo em ratos com dieta rica em gordura saturada melhora a glicemia, os níveis de colesterol e o peso corporal. Além disso foi observado redução significativa na adiposidade, fato determinado pelo aumento da expressão gênica de genes regulares do metabolismo dos adipócitos.

O ômega-6, ou ácido linoleico, protege contra o câncer, formação de placas de colesterol nas artérias e diabetes tipo 2. Além disso, acredita-se que este ácido graxo esteja relacionado às alterações corporais promovendo redução de gordura e aumento de massa muscular, podendo estar ligado à redução do tecido adiposo e aumento da lipólise.

No entanto, o ômega-6 está em excesso na nossa dieta, já que grande parte da população consome fontes alimentares desse nutriente. Ingerimos ômega-6 quando comemos carne vermelha, óleo de soja, peixes e sementes oleaginosas. Para o ômega-6 ter esse efeito maravilhoso sobre o nosso organismo, ele precisa estar em equilíbrio com o ômega-3, do contrário, pode favorecer a inflamação subclínica no organismo, podendo desencadear sérios prejuízos à saúde como resistência insulínica, diabetes, doenças cardiovasculares, câncer e, inclusive, a obesidade, pois todas são consideradas doenças inflamatórias.

Portanto, que fique bem claro! Para o óleo de cártamo funcionar de maneira adequada, o organismo precisa estar equilibrado em relação ao ômega-3 e, para isso, é preciso de ajuda de um profissional qualificado para adequar a quantidade diária.

Óleo de Coco

Muito tem se falado atualmente dos benefícios do óleo de coco, em especial quando extra virgem. De fato, ele é extraído da polpa do coco fresco por meio de um processo de prensa a frio e é considerado extra virgem por seu índice de acidez ser, no máximo, 0,5%. O que chama a atenção no produto é o alto grau de ácidos graxos de cadeia média (65%) – um tipo de fácil metabolização e baixa capacidade de oxidação.

Entre os ácidos graxos presentes, destacam-se o láurico (44-52%), o mirístico (13-19%), o palmítico (7,5-10,5%), o caprílico (5,5-9,5%), o oléico (5,8%), o cáprico (4,5-9,5%), o linoléico (1,5-2,5%), o esteárico (1-3%), o capróico (0,3-0,8%) e o araquídico (0,04%). Apesar de desconhecidas pela maioria, essas substâncias têm grande eficácia para a manutenção da saúde. Os ácidos cáprico e láurico, por exemplo, possuem efeitos positivos sobre aumento dos níveis do colesterol HDL e sobre a redução dos níveis de LDL, exercendo, portanto, efeito protetor no desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

Para os que estão sempre de olho na balança, o óleo favorece o aumento do metabolismo basal e, com isso, o processo de emagrecimento. Os benefícios estendem-se também à ação antimicrobiana, o que favorece a capacidade do sistema imunológico, além de agir no intestino estimulando a defesa contra os micro-organismos patogênicos. Assim, ele atua como suplemento na prevenção e no tratamento de disfunções relacionadas à micro-organismos – como cândida, clamídia, citomegalovirus, estreptococos, estafilococos, H. pylori, influenza, giárdia, listeria, clamídia e contra ambos os tipos de herpes, zoester e simples.

O óleo de coco extra virgem é também uma boa fonte de vitamina E – com alta capacidade antioxidante, que promove a varredura dos radicais livres responsáveis pela danificação das estruturas celulares e comprometimento do funcionamento normal das células. Ele age na atividade anti-inflamatória, e, nesse sentido, atua sobre a perda de gordura – já que esse é um tecido inflamado.

Portanto, o óleo de coco pode ser um produto que somará ganhos à dieta saudável e equilibrada. A recomendação de uso deve ser individualizada e orientada por um profissional de saúde, como o nutricionista. Nada em excesso faz bem: sua ingestão exagerada pode provocar, dentre outros problemas, enjôos e mal estar.

E você? Já teve oportunidade de utilizar algum destes suplementos, ou ambos? Comente como foi essa experiência, tire suas dúvidas a respeito de algum deles, ou ainda compartilhe a sua experiência e opinião conosco.

Para fazer seu pedido, clique aqui para saber como nos contatar.

Referências
– Óleos de coco e de cártamo aceleram o seu metabolismo. Revista eletrônica Minha Vida. Acessado no dia 26/04/2012 ás 17 horas, em http://www.minhavida.com.br/alimentacao/materias/12983-oleos-de-coco-e-de-cartamo-aceleram-o-seu-metabolismo.
– Óleos de coco e cártamo aceleram o emagrecimento. Acessado no dia 26/04/2012 ás 17 horas, em http://www.clicrbs.com.br/especial/sc/rbstvsc/19,0,3622930,Oleos-de-coco-e-cartamo-aceleram-o-emagrecimento.html.
Vantagens do Óleo de Coco e de Cartámo. Informe da Pharmaceutical Assessoria no Facebook. Produzido por Joana Lucyk, nutricionista graduada pela Universidade de Brasília, com mestrado em Nutrição Humana e especialização em Nutrição Clínica Funcional e Esportiva.

Bem-vindos!

O blog farmacia natural é uma iniciativa da Farmácia de Manipulação Fitonfarma, buscando sempre promover a saúde e o bem-estar de todos os pacientes que atendemos. Conscientes de nosso papel social e ambiental como real empreendimento de saúde, através do blog farmacia natural, divulgaremos dicas de saúde, beleza e qualidade de vida à todos que conseguirmos atingir.

De acordo com a Constituição da Organização Mundial da Saúde, saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doenças. Esta definição possui implicações legais, sociais e econômicas dos estados de saúde e doença; possui um entendimento amplo que não se exprime somente em questões como adoecer, prevenir e remediar, ela transcende esta noção, revelando sua real complexidade.

Considerando esta realidade, iremos discutir e promover assuntos corriqueiros, pertinentes à rotina diária ou à cuidados de saúde e bem-estar que estão, direta ou indiretamente, relacionados a busca pelo equilíbrio e pela saúde, sempre com um olhar da naturalidade da vida. Especialistas em diversas áreas clínicas serão convidados a participar dessa discussão, temas abordados por organizações sanitárias e científicas serão repassados, assim como recomendações práticas e simples de entender serão produzidas e transmitidas a você – nossa razão de existir.

Acreditamos que mecanismos diferenciados de comunicação com nossos pacientes e prescritores são fundamentais quando realmente nos consideramos um estabelecimento de saúde, e não um simples estabelecimento comercial. Nossa missão é promover a saúde, antes de mais nada. Desse modo, estaremos cumprindo nosso papel como empreendimento de saúde – até porque não somos apenas uma farmácia de manipulação, somos a Fitonfarma Farmácia de Manipulação!

Aproveitamos para desejar a todos um Feliz 2012, com muita paz, energia positiva e saúde!

Sejam sempre bem-vindos, e aproveitem desse espaço conosco!